Notícias

Aumentar a produtividade das obras é um dos fatores principais para diminuir os custos de uma construtora. Conforme aumenta a produtividade, aumenta também a eficiência da construtora, que passa a usar os recursos de maneira mais sábia. Isso resulta em menos desperdício — de tempo, de material e de dinheiro — e, portanto, gera economia. Mas o que influencia a produtividade na construção civil? Como medir a produtividade da obra? Descubra agora as respostas para essas perguntas:

Que fatores influenciam na produtividade na construção civil?

Existem alguns fatores mais importantes a serem considerados na construção civil e que impactam diretamente sobre a produtividade. Assim, fatores que envolvem o planejamento, a mão de obra e até mesmo os recursos utilizados estão ligados diretamente à produtividade. Dentre os principais estão:

Planejamento de obras

Quanto melhor e mais detalhado o planejamento for, menores serão os riscos de retrabalhos. É o caso, por exemplo, da avaliação prévia das condições do terreno. Com uma avaliação correta não ocorrem situações em que a obra tem de ser refeita, parcial ou totalmente, após sua conclusão.

Mão de obra

Uma equipe motivada e qualificada também influencia na produtividade. Uma equipe que trabalha mais rápido — e, tão importante quanto, trabalha do jeito certo — aumenta a produtividade da obra.

Materiais utilizados

Materiais que possuem mais tecnologia e mais qualidade também impactam na produtividade. Assim, um cimento ou uma massa que assentam ou secam mais rapidamente diminuem o tempo da obra e aumentam a produtividade.

Equipamentos

Equipamentos com mais tecnologia aumentam a eficiência do trabalho e também param menos vezes devido a defeitos. Assim, a obra sofre menos interrupções e é concluída mais rapidamente.

Como medir a produtividade na construção civil?

Sabendo quais são os fatores de influência na produtividade da construção, é possível medir a eficiência da obra e o quão produtivo está sendo o trabalho da construtora. Assim, para medir a produtividade na construção civil, deve-se avaliar:

Produção da mão de obra

Ter uma relação que indique quanto serviço é produzido por quantos trabalhadores e em quantas horas mostrará qual é a produtividade da mão de obra e, portanto, da obra como um todo. O indicador da mão de obra deve ser o que recebe mais atenção, já que é o fator mais importante.

Tempo de fornecimento de materiais

Saber quanto tempo os insumos demoram para ser transportados do fornecedor até a obra é fundamental para identificar uma possível necessidade de troca. Um material que chega mais rápido permite que a obra comece mais rapidamente e que, portanto, termine mais rápido.

Tempo para conclusão da obra

Naturalmente, é preciso também monitorar o tempo para a conclusão da obra para saber se a empresa está ou não gastando mais tempo do que o necessário. Se uma obra que deveria demorar 15 dias, por exemplo, passa a demorar 30 dias, é sinal de que existem problemas de produtividade.

Fatores externos

Também se deve medir a influência de fatores externos sobre o tempo de conclusão da obra, já que uma chuva, por exemplo, pode diminuir drasticamente a eficiência.

Uso de equipamentos e materiais

Por fim, mas não menos importante, deve-se avaliar a eficiência dos equipamentos e dos materiais para que se crie uma unidade entre planejamento, mão de obra e insumos. Ter em mente que materiais de qualidade são um grande passo para que uma obra seja concluída com qualidade — e agilidade — é essencial.

Assim, sabendo como medir a produtividade na construção civil, torna-se possível aumentar e melhorar os índices na sua empresa, levando a uma redução de custos.

Fonte AWA